RCN12
Planalto Studio
Publicite

Angola com maior queda na produção da OPEP

Angola produziu menos 38 mil barris de petróleo por dia, fixando a produção nacional em 1,078 milhões barris/dia, a mais baixa produção de Julho desde 2008.

Por Diniz Capapelo em 18/08/2021 às 22:07:16
Angola com maior queda na produção da OPEP

Angola com maior queda na produção da OPEP

Essa tendência coloca a produção nacional abaixo de um milhão de barris/dia ainda este ano, contrariando as previsões da consultora norte americana Fitch Solutions.

Apenas quatro países, entre os 13 membros da Organização dos Países produtores de Petróleo – OPEP – registaram queda na produção, em Julho face ao mês de Junho, e a maior variação negativa registou-se na produção de Angola, com menos 38 mil barris.

Com esta queda, a produção média diária de Angola fixou-se em 1,078 milhões de barris, a mais baixa de Julho, desde a entrada de Angola na Opep, 2008, quando produziu 1,406 milhões de barris/dia.

No ano seguinte, ou seja, 2009, atingiu-se a maior produção registada até agora no sétimo mês do ano: 1,821 milhões. Já os anos de 2019 e 2020 registam a segunda e terceira mais baixas produções com 1,395 e 1,173 milhões de barris/dia, respectivamente.

Os números dos últimos anos confirmam a tendência decrescente que se vem registando e que, segundo estimativas da Agência Nacional de Petróleo e Gás, apenas deve ser invertida entre 2022 e 2023.

A manter-se o nível de variação deste último mês, a produção do país poderá cair para menos de um milhão de barris/dia até ao final do ano, antecipando a previsão da consultora Fitch Solutions que, no princípio deste ano, estimou que Angola produziria menos de um milhão de barris, mas apenas em 2029.

Comunicar erro
Restaurante

Comentários

Banner_Animado_Planalto_Studio