RCN12
Planalto Studio

Governador da Hu√≠la diz que combate à corrup√ß√£o est√° a incomodar corruptos

Embora Lu√≠s Nunes defende a import√Ęncia do combate à corrup√ß√£o, o tr√°fico de influ√™ncia e entre outros males, a Omatapalo, empresa do governador, √© uma das poucas companhias que mais t√™m beneficiado de obras p√ļblicas sem concurso p√ļblico.

Por António Zacarias em 01/03/2021 às 14:32:01
Luís Nunes, governador da Huíla

Luís Nunes, governador da Huíla

O primeiro secret√°rio do MPLA na Hu√≠la e concomitantemente governador daquela prov√≠ncia, Lu√≠s Nunes, afirmou, durante a sua interven√ß√£o na abertura da VIII¬™ Reuni√£o Ordin√°ria do Comité Provincial do partido, que o combate ao desvio do er√°rio, à corrup√ß√£o, à impunidade, ao nepotismo e a outros males que enfermam a sociedade, est√° a incomodar muitos que viviam destas pr√°ticas.

O também empres√°rio acrescentou ainda que muitos dos que viviam destes males est√£o aflitos e que por isso est√£o a intensificar campanhas de conspira√ß√£o, difama√ß√£o, desinforma√ß√£o, cal√ļnia e provoca√ß√Ķes com o objectivo de frustrar o combate desencadeado pelo presidente Jo√£o Louren√ßo, pondo em causa o bom nome e a governa√ß√£o actual.

"Estas atitudes e comportamentos", declarou o governador da Hu√≠la, n√£o dignificam e, por este facto, "devemos estar cada dia mais vigilantes e contrapor esta agenda de subvers√£o da ordem p√ļblica", disse Lu√≠s Nunes, que também defendeu a necessidade de se intensificar as campanhas de moraliza√ß√£o da sociedade.

Durante a sua interven√ß√£o, Lu√≠s Nunes sublinhou ainda que a crise económica e financeira agudizada pela pandemia da Covid-19, tem estado a dificultar a execu√ß√£o de programas para a redu√ß√£o da pobreza e do desemprego, que s√£o os principais problemas que afectam a popula√ß√£o.

Garantiu também, que apesar do actual contexto, o Executivo est√° e vai continuar a trabalhar para melhorar as condi√ß√Ķes sociais das popula√ß√Ķes.

Entretanto, importa referir que embora o governador Lu√≠s Nunes enalte√ßa a luta contra a corrup√ß√£o, o nepotismo, favorecimento e tr√°fico de influ√™ncia, o facto é que o próprio governador da Hu√≠la, por via de suas empresas, tem sido muito beneficiado por parte do actual Governo.

Por exemplo, segundo o jornal Valor Económico, na sua edi√ß√£o do dia 5 de Agosto de 2019, a OMATAPALO, empresa do governador da Hu√≠la, Lu√≠s Nunes, recebeu, só de Janeiro a Agosto daquele ano, obras avaliadas em cerca de 488 milh√Ķes de dólares, tornando 2019 o ano mais produtivo para a empresa desde 2008, em termos de obras p√ļblicas.

A destacar, neste caso, o facto de as obras terem sido adjudicadas à OMATAPALO sem concurso p√ļblico, violando n√£o só as regras, mas também maculando os discursos de combate ao favoritismo, tr√°fico de influ√™ncia e entre outros males.

A obra de maior valor atribu√≠da à OMATAPALO foi a constru√ß√£o da circular do Lubango, em duas fases, atribu√≠da em Julho. A empreitada esteve avaliada em mais de 196 milh√Ķes de dólares, cerca de 173 milh√Ķes dos quais financiados pela linha de crédito a exporta√ß√Ķes da COSEC, de Portugal, tendo sido esta situa√ß√£o apresentada como raz√£o para que a Omatapalo fosse a escolhida, visto ser de origem portuguesa, dado que o despacho presidencial determinava que as obras desse projecto seriam realizadas através de financiamento na linha de crédito à Exporta√ß√£o da COSEC, que torna eleg√≠vel ao financiamento apenas empresas de origem portuguesa ou de Pa√≠ses da Uni√£o Europeia.

Fonte: Camunda News

Comunicar erro
Restaurante

Coment√°rios

Banner_Animado_Planalto_Studio