RCN12
Planalto Studio

Nicolas Sarkozy condenado três anos de prisão, vai cumprir um ano de prisão efectiva

A decisão foi conhecida ao início desta tarde no Tribunal de Paris.

Por Administrador em 01/03/2021 às 10:25:48

O antigo presidente francês Nicolas Sarkozy foi considerado culpado de corrupção activa a um magistrado e de tráfico de influências. Foi condenado a três anos de prisão, com dois de pena suspensa. Ou seja, um ano de prisão efetiva. É o segundo presidente a ser condenado no país, mas o primeiro por corrupção activa.

À chegada, como contou a correspondente da RTP em França, Rosário Salgueiro, que acompanhou todo o processo, o antigo presidente estava tranquilo, acenando com a cabeça aos jornalistas e agradecendo aos polícias.

O antigo presidente estava acusado de corrupção activa e de tráfico de influências. Foi agora condenado.

O Ministério Público francês acusou-o de ter arquitectado um pacto de corrupção com um juiz de Marselha, e com intermediação do seu advogado, para receber informações de uma outra investigação onde era visado.

Sarkozy foi escutado ao telefone a prometer um lugar no Mónaco para o juiz a troco dessas informações.

A acusação pediu, durante o julgamento, quatro anos de condenação, dois deles com prisão efetiva.

A defesa exigiu a liberdade por falta de provas.

Durante todo o processo o antigo chefe de estado francês negou os factos, considerou-os uma infâmia.

O juiz Gilbert Azibert também foi condenado por corrupção passiva e delito de tráfico de influências.


Fonte: RTP

Comunicar erro
Restaurante

Comentários

Banner_Animado_Planalto_Studio