RCN12
Planalto Studio
Publicite

Ministério do Interior coloca forças da ordem em exercícios para "assegurar a segurança da população durante o processo eleitoral"

Quando o líder do MPLA adverte que há mecanismos para respeitar o Estado de Democrático e de Direito, o Ministério do Interior convoca os seus efectivos para "asseguramento do processo eleitoral".

Por Cisola Silva Pontes em 11/08/2022 às 08:34:05
DR

DR

A uma semana das Eleições Gerais de 24 de Agosto, o Presidente da República e cabeça-de-lista do MPLA advertiu no Cuanza Norte que a paz e a estabilidade devem ser garantidas de forma permanente, exortou os partidos a aceitarem os resultados eleitorais divulgados pela entidade competente, a CNE, e falou ainda dos "mecanismos para obrigar os partidos políticos e os cidadãos" a respeitar a lei.

Entre esses mecanismos estão as forças de ordem pública e podemos deduzir, através de um comunicado do Ministério do Interior, a que a Camunda News teve acesso, que essas mesmas forças se preparam para "o asseguramento do processo eleitoral".

A delegação provincial do Ministério do Interior do Huambo tornou público que, "no âmbito das acções de formação dos efectivos para o asseguramento do processo eleitoral, realizará a partir das 9 horas de amanhã, dia 11do corrente mês (quinta-feira), no edifício IGC (...) de uma actividade demonstrativa, que agregará várias forças de intervenção do MININT.

Com esta actividade a circulação normal à circulação será afectada.

E no comunicado do Ministério do Interior pode ler-se, ainda, "que a acção enquadra-se nas medidas de prevenção de situações que possam colocar em causa a segurança das populações durante o processo eleitoral".

Entretanto, a TPA já deu imagens das cidades do Huambo em que se verifica uma normal circulação do trânsito.


Comunicar erro
Restaurante

Comentários

Banner_Animado_Planalto_Studio