RCN12
Planalto Studio
Publicite

Empresários angolanos sem acesso ao crédito do Deutsche Bank

Vários empresários angolanos mostram-se preocupados com a dificuldade que estão a enfrentar para ter acesso à linha de crédito disponibilizada pelo Deutsche Bank.

Por Divânia Nascimento em 19/01/2022 às 10:11:42
Empresários angolanos sem acesso ao crédito do Deutsche Bank

Empresários angolanos sem acesso ao crédito do Deutsche Bank

Na semana passada, o Chefe de Estado, João Lourenço, chamou a atenção aos empresários devido as dificuldades para aceder à linha de crédito de mil milhões de euros, disponibilizada pelo Deutsche Bank.

Porém, João Lourenço, não especificou às reais razões face a dificuldade, que em muitos casos decorrem mediante a incapacidade de regularização das dívidas avultadas que eles mantêm junto da banca comercial angolana, detalhadamente registadas na Central de Informação de Risco de Crédito.

Ao que tudo indica, o problema está associado às dividas pelo facto destes não terem cumprido com as obrigações do downpayment, na linha de crédito disponibilizada anteriormente. segundo explica o Club K

De referir, que a existência de dívidas com a banca comercial e o consequente registo constituem factores de eliminação entre os requisitos para acesso ao crédito, porem, na sua grande maioria, os empresários angolanos, deparam-se com essa situação, uma vez que estão atolados com dívidas até ao pescoço, fruto da gestão deficiente dos negócios bem como as consequências do descaminho de valores do qual beneficiaram anteriormente para afins alheios aos negócios financiados.

Entretanto, os empresários endividados, apelam por uma intervenção do Executivo, a fim de estabelecer uma acção milagrosa, eliminar o histórico de dívidas registadas em seu nome, ou das respectivas conglomerações empresariais, da Central de Informação de Risco de Crédito.

Por sua vez, os bancos comerciais e as demais instituições financeiras não bancárias, ligadas ao mercado nacional mantêm um registo na Central de Informação de Risco de Crédito como uma exigência incontornável do Banco Nacional de Angola (BNA) que visa, justamente, combater a onda crescente de crédito malparado.


Comunicar erro
Restaurante

Comentários

Banner_Animado_Planalto_Studio